Best —

Notícias

Charme rústico

Um representante de peso da centenária Região Demarcada do Dão (DOC) acaba de desembarcar em terras tupiniquins. O Quinta do Serrado Reserva 2003 (na faixa dos R$ 100,00) é o top da linha de seis rótulos escolhida pela FTP Wines para seu debut no mercado brasileiro, fazendo as vezes de cartão de visitas da empresa por aqui. Se a idéia era impressionar, a escolha foi mais do que acertada.
Este vinho 100% Touriga Nacional surpreende já no decantador. A cor intensa remete de imediato ao suco de uva e impede que se veja o fundo do recipiente. No nariz, uma explosão de fruta madura, acompanhada de notas herbáceas e florais. Trata-se de um vinho encorpado, mas harmonioso, que mostra muita fruta – lembrando geléia -, além de evocar café, menta e alguma madeira. Ótima persistência na boca.

Processo produtivo
O Quinta do Serrado passa cerca de um ano em tanques de aço inoxidável, além de mais um em barris de carvalho francês. Não obstante, estagia seis meses na garrafa antes de chegar aos revendedores. É apontado pelo produtor como um vinho gastronômico, ideal para acompanhar carnes bem temperadas. No entanto, tomei com o mais clássico dos pratos portugueses: um belo bacalhau, que sustentou muito bem o vinho. Não por acaso a combinação desse peixe com os fermentados tintos é uma tradição em Portugal.
A FTP Wines pertence ao grupo Tavfer, que reúne empresas de setores variados, entre eles, o turístico e o imobiliário. A entrada do grupo no universo de Baco se deu na década de 90, por meio de um processo produtivo em pequena escala, beirando o artesanal. Em 2005, decidido a ampliar seu mercado e se lançar no exterior, adquiriu novas terras e investiu em tecnologia. No Brasil há cerca de um ano, a FTP agora se prepara para introduzir por aqui seus rótulos do Douro.
HTTP://PEQPRAZERES.BLOGSPOT.COM/2009/09/CHARME-RUSTICO.HTML?SHOWCOMMENT=1252077152653#UDS-SEARCH-RESULTS

Voltar à listagem

1
Dez
2009